Sábado de maracatu e pop rock em Sto Antônio

7 de fevereiro de 2016 em CARNAVAL 2016, Destaque, Destaque, Galeria de imagens

Primeiro show da banda Cruzzy em trio elétrico, com repertório novo para agitar os foliões. Foto: Rodrigo Souza.

Primeiro show da banda Cruzzy em trio elétrico, com repertório novo para agitar os foliões. Foto: Rodrigo Souza.

“Carnaval é isso: vale ferver e se divertir, seja em qual ritmo for”. A observação de Guilherme Cardozo, vocalista da banda Cruzzy, uma das atrações deste sábado (6.2) em Santo Antônio de Lisboa, resume a segunda noite de festejos do bairro. Maracatu, axé, reggae, pop rock e as tradicionais marchinhas garantiram a animação dos foliões que lotaram a rua Cônego Serpa. “O diferencial neste ano são os trios elétricos, com a participação da rainha do axé do Sul do Brasil Diana Dias”, disse Edenaldo Lisboa da Cunha (Feijão), presidente do Avante, um dos organizadores do Carnaval. (GALERIA DE FOTOS ABAIXO)

Apresentação do Maracatu Arrasta Ilha na rua Cônego Serpa. Foto: Rodrigo Souza.

Apresentação do Maracatu Arrasta Ilha na rua Cônego Serpa. Foto: Rodrigo Souza.

A festa começou às 20h30 com o maracatu do baque virado do Arrasta Ilha, que há 11 anos desfila no bairro. Após a apresentação de cerca de uma hora, o grupo seguiu com o cortejo para a praia. “Nós cantamos para os orixás, o público que nos acompanha vem encher seu espírito com a música”, afirmou Leonardo Unpierrez, um dos coordenadores do grupo.

Enquanto as alfaias do Arrasta faziam o povo dançar com o pé na areia, a banda do Bion embalava o público na Cônego Serpa com marchinhas. “São músicas bem mais alegres que os sambas-enredo que acompanhávamos antes”, explicou o carnavalesco João de Assis (Bion), que há 12 anos participa do Carnaval no bairro.

A harmonia com que jovens, crianças e adultos festejavam juntos chamou a atenção das turistas argentinas Analia Alcante, 47 anos, e Griselda Mariño, 31. Viajando desde Buenos Aires com 10 familiares, elas estavam encantadas com a tranquilidade da festa. “Tudo acontecendo sem agressão. Estamos emocionadas, o bairro é lindo e as pessoas são muito amáveis”, afirmaram.

Moradora de Florianópolis, Julianne Mund, de 26 anos, vem todos os anos para Santo Antônio. Grávida de 8 meses, avaliou que “é um dos Carnavais de rua que ainda são mais legítimos. Todo mundo brinca junto na mesma bagunça”. Outro folião assíduo no bairro é Júnior Matos Alves, 20 anos. Com um vestido rosa de bailarina, ele já tinha começado a curtição à tarde no Bloco dos Sujos, no Centro. “Sou nativo daqui e também gosto muito desse clima família”, disse.

O pessoal do distrito estava na rua e também no alto do trio elétrico, com os meninos da banda Cruzzy fazendo o povo tirar o pé do chão com sucessos do pop rock, axé e reggae. “Se tocar para os nossos amigos e nossa comunidade já é maravilhoso, imagina pra esse mar de gente”, afirmou Rodrigues Viana, percussionista do grupo que começou ensaiando num rancho de canoa em 2012. “O feedback do público cantando os refrões com a gente é uma emoção sem igual”, completou o vocalista Guilherme Cardozo.

Em primeiro plano, da esquerda para a direita, Jerry Costa, Diana Dias e Sandro Costa (Gazu). Foto: Rodrigo Souza.

Em primeiro plano, da esquerda para a direita, Jerry Costa, Diana Dias e Sandro Costa (Gazu). Foto: Rodrigo Souza.

A acolhida da comunidade carnavalesca fascinou também a musa do axé Diana Dias, que fez uma participação especial no Trio Elétrico do Gazu. “Sou manezinha e esta foi a primeira vez que cantei em Santo Antônio, me senti em casa”, contou. O clássico do Dazaranha “Vagabundo Confesso” fechou a apresentação do trio, colocando uma “pitada de rock no Carnaval”, como disse o percussionista Jerry Costa.

Às duas da manhã a Polícia Militar já conduzia a população para fora do Centro Histórico do bairro, buscando liberar o trânsito para os carros. Segundo o Tenente Araújo, do 21º Batalhão do Norte da Ilha da PM, entre 15 mil e 20 mil pessoas passaram pelo Carnaval de Santo Antônio de Lisboa no sábado. Nenhuma ocorrência foi registrada na rua, mas o Bar e Restaurante Açores foi autuado por estar funcionando além do horário permitido.

FOTOS DO SÁBADO DE CARNAVAL EM SANTO ANTÔNIO DE LISBOA,
por Rodrigo Souza.

PROGRAMAÇÃO
Agenda atualizada do Carnaval de 2016 em Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui

Segunda (8.2)

SANTO ANTÔNIO DE LISBOA
(Rua Cônego Serpa)

19h
Abertura.

20h
Bloco da Kombi Kebrada.

21h
Trio Elétrico do Bion.

21h30h
Trio Elétrico do Fidel.

23h
Bloco Baiacu de Alguém.

Meia noite
Baile público.

2h
Encerramento.

Terça-feira (9.2)
CARNAVAL COMUNITÁRIO DE SAMBAQUI

17h
Início. Som DJ.

18h
Início da movimentação do bloco Só Delícias.

19h30
Banda musical.

21h
Trio de Ney Platt e banda de Sopro.

22h30
Desfile do bloco Engenho de Dentro.

Meia noite
Trio Elétrico do Gazu.

2h
Encerramento.

 

Share on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookPin on PinterestEmail this to someone