Falece no Cepon o pedreiro Odenir Farias

17 de julho de 2017 em Personagem

 

Odenir em retrato da família.

Odenir em retrato da família.

O pedreiro Odenir Farias, 61 anos, residente na travessa Jandira Pires da Cunha, em Sambaqui, faleceu às 13h30 desta segunda-feira (17.7) no Hospital do Cepon, no bairro Itacorubi (Florianópolis).

A esposa, Cláudia Back Farias, diz que o marido faleceu tranquilo e desde sexta-feira apresentava piora do estado geral, devido a um tumor no cérebro.

O corpo vai ser velado em Santo Antônio de Lisboa, onde será sepultado nesta terça-feira, possivelmente às 11 horas.

Considerado o melhor pedreiro da região, católico, muito bem quisto por vizinhos e amigos, nasceu em 26 de março de 1956, na localidade de Rio Miguel, município de Águas Mornas, onde conheceu a esposa.

Era originário de uma família de agricultores com 12 irmãos (um deles toca a feira livre em Sambaqui).

Além da viúva, deixa os filhos Diego, 31anos (que trabalhava com o pai), Fabiana 36 anos (enfermeira), Tatiane, 35 (secretária) e uma neta.

 

Share on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookPin on PinterestEmail this to someone