Usuários querem manter a linha Sambaqui-Ticen

4 de agosto de 2017 em Mobilidade

 

Momento da reunião geral dos moradores. Foto: Celso Martins.

Momento da reunião geral dos moradores. Foto: Celso Martins.

Os usuários do transporte coletivo na região vão reivindicar o retorno da linha Sambaqui-Centro/Ticen, ida e volta, como existia antes das mudanças iniciadas pela Prefeitura de Florianópolis. A decisão foi tomada por unanimidade durante assembleia geral realizada quinta-feira (3.8) no salão paroquial da igreja de São Sebastião, na Barra do Sambaqui, coordenada pela Associação do Bairro de Sambaqui (ABS).

O pleito vai ser encaminhado através de ofício ao secretário municipal da Transporte e Mobilidade Urbana, Marcelo Roberto da Silva, que justificou por escrito a ausência ao encontro na Barra do Sambaqui. Os moradores mostraram-se dispostos a ações mais enfáticas, entre as quais uma apresentação do grupo de Boi de Mamão de Sambaqui no Terminal de Santo Antônio em horário de movimento.

Alguns horários da linha Ticen-Tisan, em caráter experimental, mostram o que será o futuro dos coletivos no distrito. Para ir ao Centro o usuário pegará um ônibus no bairro (tipo circular) e deixado no Tisan, onde aguardará a chegada de coletivos lotados do Norte da Ilha. Para vir do Centro ao bairro, o morador vai ser deixado no Tisan para aguardar a chegada de outro ônibus que o levará ao bairro.

O vereador Renato Geske participou da assembleia e apoia os pleitos dos moradores.

 

Outros

Na assembleia também foi reivindicada:

1) Inclusão de mais horários na linha Sambaqui-Ticen e Ticen-Sambaqui, além dos 12 experimentais (os mesmos que não chegam até a Barra e ao Sambaqui).

2) Instalação do ponto final da linha Sambaqui nas margens do rio Veríssimo (final da rodovia Isid Dutra). O pleito já havia sido encaminhado e a PMF respondeu que só após a pavimentação da via.

3) Acabar com os horários estimados, fixando horários a serem cumpridos.

4) A linha circular anunciada deve ser implantada com a manutenção da linha atual (Sambaqui-Ticen). Ela deve servir como reforço do serviço, em intervalos de 15 minutos, entre os bairros e o Tisan.

 

Pavimentação

Os moradores e lideranças acompanham a demora na retomada das obras da rua Padre Rohr, e a conclusão do projeto de repavimentação da rodovia Isid Dutra previsto para o corrente mês de agosto.

Share on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookPin on PinterestEmail this to someone