OUTROS EXÍLIOS

OUTROS EXÍLIOS

  OUTROS EXÍLIOS (Prosa Poética)   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   “Porque teu amor sempre me protege, contigo atravessarei as trevas e a noite”. J. Kentenich (1885-1968)   “O exílio não é o longe,/mas o cerco./O exílio, campo exposto,/onde pasta o pensamento,/boi que trabalha no amanho./O exílio é um deus amargo.” Carlos Nejar (“O exílio”)
...Leia mais

FORO

FORO

  FORO PRIVILEGIADO FERE O ESPÍRITO REPUBLICANO Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   “O foro privilegiado é uma exceção não justificada no sistema republicano e sua extinção urge”. (EDSON FACHIN – ministro do STF, no Fórum de Juízes Federais em Porto Alegre)   O foro privilegiado   – como é utilizado hoje – transformou-se em um deboche
...Leia mais

CANCELLIER

CANCELLIER

CANCELLIER   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   PARA O MEU AMIGO LUIZ CARLOS CANCELLIER DE OLIVO   “Poema nenhum nunca mais,/será um acontecimento;/escrevemos cada vez mais/para um mundo cada vez menos,/para esse público dos ermos/composto apenas de nós mesmos,/uns joões batistas a pregar/para as dobras de suas túnicas/seu deserto particular,/ou cães latindo noite e dia,/dentro
...Leia mais

Emily

Emily

  Emily   Por Emanuel Medeiros Vieira   “A memória tem frente e fundos/Como se fosse uma casa;/Possui até mesmo um sótão/Para refugos e ratos./E o mais profundo porão/Que um pedreiro já tenha escavado –/Há que estar atento para não ser/Por suas dimensões obsedado”. (…) EMILY DICKNSON (1830-1886)   Que tal tentar um poema sobre
...Leia mais

ARTHUR RIMBAUD

ARTHUR RIMBAUD

ARTHUR RIMBAUD:   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   Tive a ousadia de fazer uma tradução de “O Barco Bêbado” (“Le Bateau ivre”), de Arthur Rimbaud (1854-1891), um dos mais belos poemas de todos os tempos. Algumas fontes informam que ele escreveu essa obra-prima aos 17 anos. Ele nasceu na cidade francesa de Charleville. Foi um
...Leia mais

CRER NA JUSTIÇA?

CRER NA JUSTIÇA?

CRER NA JUSTIÇA?   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   Sim. É preciso ainda crer – e lutar pela Justiça Mas parece que um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), sente-se como um rei absolutista, acima da Lei, que tudo pode – espécie de czar moderno. Parece que seus colegas têm medo de contrariá-lo, de irritá-lo.
...Leia mais

PARALISADOS PELO EXCESSO?

PARALISADOS PELO EXCESSO?

PARALISADOS PELO EXCESSO?   Para os “rapazes” de 1964 Para todos os amigos que ainda “carregam” algum sonho (não pecuniário) “Cada leitor é, quando lê, um leitor de si mesmo”. (Marcel Proust – 1871–1922) “O preço da graça que recebemos é nos mantermos fiéis a ela, e nos tornarmos os porta-vozes dela, a linguagem dela.
...Leia mais

APRENDI

APRENDI

APRENDI   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   “APRENDI QUE NÃO POSSO EXIGIR O AMOR DE NINGUÉM. POSSO APENAS DAR BOASRAZÕES PARA QUE GOSTEM DE MIM E TER PACIÊNCIA PARA QUE A VIDA FAÇA O RESTO”. (WILLIAM SHAKESPEARE) “ESTAMOS VIVENDO UM MOMENTO CINZENTO, OBSCURO. E É IMPORTANTE ALGO QUE N0S CONFORTE (…). NÃO SINTO-ME REPRESENTADO POR
...Leia mais

”E O AMOR LONGE”

”E O AMOR LONGE”

”E O AMOR LONGE” (DEFINIÇÃO DE SAUDADE, OFERECIDA POR UMENINO AUTISTA)          Para todos os autistas e suas famílias   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   Saudade é o amor longe: ele disse E – quem sabe – perto (Decerto) Tão perto do coração – e no olhar Autismo não é adjetivo Concha escondida em mares
...Leia mais

CARLOS ARAÚJO

CARLOS ARAÚJO

  CARLOS ARAÚJO   Mesmo brevemente, queria homenagear Carlos Araújo, morto no começo da madrugada deste sábado, 12 de agosto de 2017, em Porto Alegre.   Estivemos presos juntos, combatendo a ditadura, na Operação Bandeirantes (OBAN) - a maior sucursal do inferno que conheci na minha vida.   Foi um dos seres humanos mais corajosos no enfrentamento da
...Leia mais