ADEUS, GRÉCIA

ADEUS, GRÉCIA

ADEUS, GRÉCIA   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   Não bastaram fibra e amor, cai, Grécia, universo solar adequação entre ser e destino, envelhecemos – morte na soleira da porta, fragmentos de sonhos – só fragmentos – não a totalidade, adeus, Grécia, adeus, despedidas – só despedidas.   Ulisses: somos apenas seres virtuais, Homero envolto em
...Leia mais

TARCÍSIO

TARCÍSIO

TARCÍSIO   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   PARA TARCÍSIO, IRMÃO QUERIDO E MUITO AMADO QUE NOS DEIXOU EM 19 DE JUNHO DE 2016   “É isso aí: o tempo passando sobre todos nós – invernos, verões, outonos primaveras. Numa cabeceira da ponte, a parteira ou o obstetra. Na outra, o coveiro. Mas não acaba aí,
...Leia mais

PÓS-VERDADE: “VERDADE”?

PÓS-VERDADE: “VERDADE”?

PÓS-VERDADE: “VERDADE”?       Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   OUVINDO A “AVE MARIA” DE FRANZ SCHUBERT, NA VOZ DE STEVIE WONDER   O que é verdade? Essa pergunta também foi feita a Jesus, durante o seu “julgamento”. A realidade é difícil? Os fatos são dolorosos? Então, muda-se o conceito e abandona-se a verdade. Num exemplo muito
...Leia mais

MENINA BRANCA DE NEVE

MENINA BRANCA DE NEVE

  MENINA BRANCA DE NEVE (Modesta paráfrase de um grande poeta)   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA Para Clarice e seus irmãos Lucas, Américo e Maurício   “Quando você for se embora/moça branca como a neve/ me leve/ Se acaso você/não possa me carregar pela mão/menina branca de neve/ me leve no coração”. (…) (FERREIRA GULLAR,
...Leia mais

PÁTRIA AMARGA

PÁTRIA AMARGA

PÁTRIA AMARGA   (Prosa Poética Panfletária)   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   “O amor que não dá certo está sempre por perto” (Cacaso – 1944-1987)) Pátria: também amada meu bom Deus: O Senhor perdeu o passaporte brasileiro? não vou me queixar – tudo está secando ao nosso redor: lágrimas, esperanças, projetos deveria falar de outro
...Leia mais

DESMORALIZAÇÃO

DESMORALIZAÇÃO

  DESMORALIZAÇÃO   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   “Eu rejeito o papel de coveiro de prova viva. Posso até estar no velório, mas não carrego o caixão”. (Ministro Herman Benjamin,, relator no TSE do processo Dilma-Temer).   O assunto já foi muito comentado. Os acontecimentos referentes a diversos tipos de degradação na vida pública brasileira,
...Leia mais

DOM TOMÁS

DOM TOMÁS

  Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   Aprendi a ler e a respeitar o trabalho e a profunda reflexão do padre jesuíta Pierre Teilhard  de Chardin (1881-1962), que inspirou a muitos –- a mim também – a entrarem na AP– Ação Popular, organização originada na esquerda católica que, depois (já estávamos fora), unida ao PCdoB, tornou-se
...Leia mais

PADRE FÁBIO DE MELO

PADRE FÁBIO DE MELO

  Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   Muitos admiram a autoajuda (travestida de filosofia) “profunda” do “humilde” Padre Fábio de Melo, nascido em 1971 (leia, sacerdote, por favor, a vida de São Francisco de Assis). Tudo isso deriva da péssima educação escolar brasileira. Se falamos em Hegel, muitos pensam que é jogador da seleção alemã de
...Leia mais

Bob Dylan

Bob Dylan

  Bob Dylan   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   “Ah, Deus disse a Abraão “Mate um filho para mim”/O cara diz “Meu, você deve estar de sacanagem”/Deus diz “Não”. O cara diz “Como é que é?”/Deus diz “Pode fazer o que quiser, meu chapa, mas/ Na próxima vez que você me vir chegando, melhor correr”/Então
...Leia mais

PREVIDÊNCIA

PREVIDÊNCIA

PREVIDÊNCIA   Por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA   Muito já se falou sobre a reforma da Previdência. Serei breve. Resumindo: um governo ajoelhado ao deus mercado, aos bancos, ao domínio da grande mídia, só poderia agir assim. (Eu sei. Nada de novo eu escrevi. Às vezes é preciso repetir, porque poucos parecem escutar.) As pessoas tendem
...Leia mais